Cascavel, Quarta-feira, 19 de junho de 2019

Leia mais

Beto, 53, aposentado com 30

Após dizer que é muito jovem, Cida tenta buscar o seu no Iguaçu; Ratinho Junior põe fim à aposentadoria dos ex-governadores
Postado em 12/06/2019

6 de julho de 2018, edição do Pitoco circula com a seguinte manchete: “Quem quer dinheiro?”. Na ocasião, o jornal entrevistou os pré-candidatos ao governo do Paraná com uma única pergunta: se iriam requisitar a aposentadoria especial de ex-governador.

Ratinho Junior disse que não aceitaria a sinecura. Cida Borghetti simulou não entender a pergunta. Mediante a insistência para que fosse mais clara, respondeu: “Sou muito jovem ainda, com muita energia, não pensei nesta possibilidade”. Vencido o processo eleitoral, Dona Cida apareceu no Palácio Iguaçu, dia 2 de janeiro deste ano, solicitando a aposentadoria. Ela foi governadora por nove meses. Tem o direito de receber R$ 30 mil mensais pelo restante de seus dias.

Na ocasião, Beto Richa também foi questionado pelo Pitoco. Veja o que ele respondeu: “Não pretendo. Não tenho idade para me aposentar”. Pois bem, Richa requisitou a aposentadoria já no ano passado, e Cida, governadora que o sucedeu, concedeu a benesse. Beto está aposentado com R$ 30 mil aos 53 anos de idade.

FIM DA MAMATA? - Se depender do Ratinho, Cida não será aposentada. Ele ainda não deferiu o pedido dela. E foi além: enviou projeto à Assembleia (AL) extinguindo o benefício que hoje abriga oito ex-governadores e três viúvas, ao custo de R$ 4 milhões ao Estado.

A votação na AL aconteceu no último dia 15. E gerou cenas pitorescas. Requião Filho, por exemplo, votou para acabar com o privilégio para os próximos, mas votou contra extingui-lo para os já beneficiados, como o pai dele, Roberto. Bom menino!

Por apenas seis votos de diferença, os aposentados precoces não perderam seus privilégios, embora pudessem posteriormente questionar o ato, alegando direitos adquiridos.

Em tempo 1: Aqui da região, Marcio Pacheco e Coronel Lee se ausentaram da sessão e assim ficamos sem saber qual a opinião deles sobre os privilégios milionários dos políticos. O deputado Lemos é co-autor do projeto que extingue o benefício. Marcel Micheletto, outro deputado do Oeste, posicionou-se contrário ao fim da aposentadoria do Beto, Requião, Pessutão e demais...

Em tempo 2: O governador Ratinho assinou, na última quarta-feira, a emenda que põe fim à aposentadoria vitalícia. “Não dá para discutir Reforma da Previdência sem incluir o fim dos privilégios. É um momento histórico para o Paraná”, disse o roedor.