Cascavel, Quinta-feira, 26 de abril de 2018

Leia mais

Cascavel terá hospital dia

Empreendimento marca estreia da “JL oriental” aqui

Um grupo de médicos e parceiros se preparam para tirar da prancheta um dos maiores investimentos no polo de saúde de Cascavel dos últimos anos: o hospital dia.

O prédio de 15 andares, denominado Cascavel Medical Center, será edificado na rua Barão do Cerro Azul, em frente ao Centro Esportivo Sérgio Mauro Festugatto, anexo ao Instituto de Radiologia Cascavel.

As instalações projetadas se distinguem de um estabelecimento hospitalar convencional no tempo de permanência do paciente: até 12 horas.

Isso é possível, segundo os idealizadores, em razão do desenvolvimento de novas tecnologias na anestesiologia e técnicas cirúrgicas por vídeo menos invasivas, permitindo uma rápida recuperação pós-operatória.

O Pitoco apurou que um grupo entre 15 e 20 acionistas, quase todos médicos, já aceitou o desafio. Um dos principais atrativos é a maior facilidade para agendamento de cirurgias exclusivamente eletivas, já que o conceito não trabalha com emergências.

Não há intermediários na venda dos imóveis que servirão aos consultórios. O conceito hospital dia é muito difundido nos Estados Unidos e Europa, mas no Brasil está restrito às capitais.

Cascavel será a segunda cidade brasileira do interior a receber o conceito. A primeira está em Londrina, em fase de conclusão.

Japoneses do Norte

O empreendimento marca a chegada triunfal em Cascavel da família Yoshii. Eles estão para Londrina e Maringá como está JL Construtora para o Oeste do Paraná.

A Construtora A.Yoshii lidera o mercado no Norte do Paraná, com expansão para Curitiba e outros centros importantes do mercado imobiliário.

Os japoneses da Yoshii ensaiaram entrar no mercado cascavelense pelas mansões suspensas da rua Minas Gerais, em tratativas que não avançaram no terreno que abrigava o posto Ararajuba.